No†ícias

Noia Itinerante 2019 acontece em agosto e setembro

O Noia Itinerante é a circulação de parte dos filmes premiados no 17º Noia - Festival de Audiovisual Universitário no ano anterior. A Mostra acontece em sete locais da cidade de Fortaleza, distribuídos nas 6 Regionais e na Regional do Centro. As sessões acontecem entre 22 de agosto e 30 de setembro, na Vila das Artes; no Centro Cultural Belchior; nos Cucas Barra, Mondubim e Jangurussu; no Cine Freud (Psicologia/UFC) e no Instituto de Cultura e Arte - ICA (Campus do Pici/UFC). Todas as sessões são gratuitas e abertas ao público,  e a programação inclui um workshop sobre “Viabilização de Projetos Culturais” (duração 1h30) e um debate pós-sessão, sempre com a presença de um dos realizadores dos filmes exibidos. O NOIA ITINERANTE é apoiado pela Prefeitura Municipal de Fortaleza, através do VII Edital das Artes de Fortaleza.

Os filmes que compõe a Mostra são:
Tommy Brilho, de Sávio Fernandes (Unifor/CE), Ficção, 17’44’’, Fortaleza/CE, 2018
Sinopse: Tommy Brilho é o primeiro aluno invisível da universidade. Com isso, surge o grande desafio de ser visto por seu crush.
Kris Bronze, de Larry Machado (UEG/GO), Documentário, 23’03”, Goiânia/GO, 2018
Sinopse: No dia 8 de março, Kelly Cristina prepara uma festa apenas para mulheres.
Cravo, Lírio e Rosa, de Maju de Paiva (UFF/RJ), Ficção, 20’, Rio de Janeiro/RJ, 2018
Sinopse: Cê, uma menina de oito anos, tropeça no cadáver de uma adolescente. A aparição do corpo muda drasticamente a vida de Cê e de sua irmã mais velha, Sara. A mais nova se comunica com os mortos como válvula de escape para a solidão, enquanto a mais velha tem que lidar com assédio e com a vulnerabilidade de seu corpo.
Maria Maculada, de Bruno Bressam e Leão Neto (Unifor/CE), Documentário, 18’52”, Fortaleza/CE,2018
Sinopse: Maria conta a sua história e, nos acordes das vivências, nos faz ouvir como uma música. Maria, quantas Marias. Sua fortaleza está na pele escamosa que a existência insiste em descascar. Mácula, maculada, Maria.
Sessão Especial, de Gabriela Queiroz (UFC/CE), Ficção, 20’, Fortaleza, 2018.
Sinopse: Rita é uma senhora apaixonada por cinema, casada com Marco Antônio, um homem hipocondríaco. Com a chegada de um cinema itinerante na sua cidade, e o reencontro de Rita com Marina, a neta de sua ex-vizinha, ela agora tem a oportunidade de ir ao cinema depois de muito tempo.
Exibições
Institutode Cultura e Arte/UFC (Cine Refluxus)
Dia: 22 de agosto (quinta)
Hora: 14h
Sala: Auditório da Biblioteca Central do Campus do Pici
Endereço: Avenida Mister Hull, s/n - Campus do Pici 
Vila dasArtes
Dia: 04 de setembro (quarta)
Hora: 17h
Sala: Auditório
Endereço: Rua Vinte e Quatro de Maio, 1221 - Centro 
CineFreud/UFC
Dia: 11de setembro (quarta)
Hora: 14h
Sala: Auditório José Albano
Endereço: Avenida da Universidade, 2853 - Benfica  
Centro Cultural Belchior
Dia: 12 de setembro (quinta)
Hora: 16h
Sala: SalaIracema
Endereço: Rua dos Pacajús, 123 - Praia de Iracema 

*As datas das exibições na Rede Cuca serão definidas e divulgadas em breve.